quarta-feira, 27 de julho de 2011

Livro do mês: Platinum - Jo Rees



Sinopse: Frankie Willis é uma jovem que trabalha no luxuoso iate Pushkin, a belíssima Peaches Gold é a cafetina mais bem-sucedida de Los Angeles e Emma Harvey é uma aristocrata britânica, casada com um dos homens mais charmosos da Inglaterra. Três mulheres completamente diferentes que tiveram suas vidas marcadas por um impiedoso homem, o bilionário Yuri Khordinsky. Acostumado a ter tudo o que quer, ele não mede esforços para atingir seus objetivos. Mas agora que elas se encontraram, só querem uma coisa: vingança.

Para ler a resenha acesse o link:
Por que escolhi o livro? Quem acompanha o blog pode ter percebido que o livro do mês mudou. Não pude resistir à sinopse desse livro que encontrei entre os lançamentos na livraria Saraiva, foi amor à primeira vista..rs.
Resumo: Três mulheres e suas vidas destruídas para sempre por um único homem: Yuri Khordinsky.
Frankie Willis já sofreu muito na vida apesar de só ter 25 anos. Órfã muito cedo, foi criada pelos tios na África do Sul onde teve que abandonar tudo que tinha por ter descoberto algumas falcatruas no governo. Sem opção acaba indo trabalhar no luxuoso iate de Alexei Rodonov. A atração entre os dois é imediata e inevitável, causando a ira de Yuri, que tinha planos melhores para seu pupilo.
Peaches Gold também teve uma vida sofrida. Foi vendida ainda criança para um pedófilo. Aos 15 anos fugiu de casa e se tornou a cafetina mais conhecida de Los Angeles. Seu caminho se cruza com o do mafioso quando um segredo do passado é descoberto.
Emma Harvey é uma senhora da sociedade inglesa que vivia num mundo perfeito, casada com o homem perfeito até Yuri Khordinsky destruir tudo.
O livro alterna os capítulos para contar a história de cada uma dessas mulheres e como o mafioso russo afetou suas vidas.
Todas querem vingança. A pergunta que fica é: o que farão para conseguí-la?
O que achei:
Prós: Esse é o tipo de livro que não dá para revelar muito sem soltar um grande spoiler, mas o que posso dizer é que o livro lembra muito os livros do saudoso Sidney Sheldon, com heroínas fortes, ingênuas, sensuais que comem o pão que o diabo amassou mas sempre conseguem triunfar.
Aliás se vc gosta de sensualidade o livro tem para dar, vender, emprestar...o que eu adorei.
Apesar do livro se passar no universo dos milionários e famosos (com viagens de Cannes a Marrakesch) achei que a vingança planejada pelas meninas foi bem executada e bem perto da realidade, sem nada mirabolante que não desse para levar a sério.
Contras: o livro tem quase 500 páginas, o que desanima um pouco. Além disso, as três mulheres só se encontram perto do final do livro, e tudo é resolvido muito rapidamente. O começo e final do livro são eletrizantes, mas meio dá aquela enrolada até chegar ao clímax. Acho que se o livro fosse mais compacto a narração seria mais ágil e interessante. 
Veredicto: Como disse gostei muito das personagens, uma história bem escrita, com lugares exóticos apaixonantes e muita sensualidade. Acho que comecei a ler o livro com expectativas demais, que não foram superadas. Mas apesar disso não achei o livro ruim, só faltou um pouco de agilidade na narração. Se vc gosta de livros à la Sidney Sheldon não pode perder.

2 comentários:

  1. Aiiii...
    Fiquei mortinha de curiosidade.... hehehehe!
    Bjs amore!
    Déia Feminices

    ResponderExcluir
  2. E se curiosidade matasse eu teria morrido...
    Bjs flor!
    Déia Feminices

    ResponderExcluir